Últimos assuntos
» 08-Nov-2015 - Almoço convívio ADM e celebração aniversário ADM (Lousa -Montachique)
por DSancho Sex 6 Nov 2015 - 18:18

» almoço
por jvenancio Qua 26 Ago 2015 - 9:41

» 26-06-2017 - Almoço das 6ªs, Prazeres da Picanha
por ZéPedro Sex 26 Jun 2015 - 22:10

» 5-6-2015 - Almoço das 6ªs - Francesinha em Santos
por jvenancio Sex 5 Jun 2015 - 11:30

» 17ª Edição do Lés-a-Lés (Inscrição)
por jvenancio Sab 30 Maio 2015 - 10:17

» Honda Africa Twin revelada
por jvenancio Qua 27 Maio 2015 - 16:28

» 07 a 09-06-2014 - 16º Portugal de Lés-a-Lés
por LFerro Sex 6 Fev 2015 - 17:48

» Triumph Tiger 800 - 800XC - 1200 Explorer
por LFerro Seg 19 Jan 2015 - 14:07

» Kymco Downtown 350i
por ZéPedro Qua 14 Jan 2015 - 23:08

» 17º Portugal de Lés-a-Lés 2015 - 7 a 9 Junho 2015
por LFerro Seg 12 Jan 2015 - 20:03

» Revista MOTOCAMPING
por LFerro Sex 2 Jan 2015 - 18:45

» 19-12-2014 - Almoço das 6as - ESPECIAL BOAS FESTAS
por rlopes Seg 22 Dez 2014 - 11:31

» 12-12-2014 - Almoço das sextas, Mercado 31 Janeiro
por jvenancio Seg 15 Dez 2014 - 14:24

» 28-11-2014 - Almoço das sextas, Mercado 31 Janeiro
por jvenancio Sex 28 Nov 2014 - 19:27

» Lisboa Motoshow 2015
por Pianoman Qui 27 Nov 2014 - 12:46

Os membros mais ativos do mês


Cyril Després deixa KTM, Ruben Faria deve continuar

Ir em baixo

Cyril Després deixa KTM, Ruben Faria deve continuar

Mensagem  rlopes em Qua 13 Mar 2013 - 1:22

Rebentou a bomba. Cyril Després, vencedor do Dakar 2013 e pentacampeão da maior prova de Todo o Terreno mundial, não estará na sua equipa de sempre, a KTM, na nova temporada.

A confirmação foi dada pela própria equipa, que revelou os quatro pilotos que integram os quadros para a nova temporada, já sem o francês.

O espanhol Marc Coma continua, tal como Kurt Caselli que é o seu mochileiro. Ruben Faria, português que foi segundo no Dakar, desempenhava funções idênticas com Després e foi confirmado também. Em que funções? É a dúvida que subsiste.

Ruben Faria: "Després não me quer como adversário"

O Autoportal contactou o piloto português que não quis entrar em pormenores. “Estou na Tunísia, volto na quinta-feira e falo quando chegar”, afirmou. O piloto algarvio revelou que tem recebido vários contactos a questionar se já assinou pela KTM mas não quer “falar mais por enquanto”. Ainda assim, não desmentiu a notícia.

A KTM é que já se despediu de Després, com um erro no nome do piloto. “Adeus e muito obrigado Ciryl [ndr. Cyril]”, escreveu num comunicado.

Para além dos três pilotos citados, a equipa confirmou o nome de Chaleco Lopez, reforço que foi terceiro no último Dakar, atrás de Després e Faria.

Pit Beirer, diretor da KTM Motorspors, tentou desvalorizar a ausência de Després. “Queremos capitalizar a enorme experiência e talento de pilotos como Marc Coma, mas também precisámos aproveitar as qualidades de pilotos novos e ambiciosos, como Caselli, Faria e Lopez”, disse, citado pelo jornal «As».

O futuro de Després é para já uma incógnita. A proposta de renovação da KTM não terá convencido o francês que é, agora, apontado à Honda de Hélder Rodrigues, o que também poderia fragilizar a posição do português, que é o líder da equipa.

Fonte:http://www.autoportal.iol.pt/desporto/todo-o-terreno-desporto/cyril-despres-deixa-ktm-ruben-faria-deve-continuar


__________________________________________________
Vrum, Vruuuummm
avatar
rlopes
Admin
Admin


Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Cyril Després deixa KTM, Ruben Faria deve continuar

Mensagem  LFerro em Qua 20 Mar 2013 - 18:50


Ruben Faria quer vencer Dakar2014: "Deixei de ser 'aguadeiro'"
Sem Cyril Despres na equipa oficial KTM, Faria assume ambição de vencer o Dakar 2014


Ruben Faria está oficialmente sem o «empecilho» chamado Cyril Despres. O português, segundo classificado nas motas no Dakar2013, deixou de ser «aguadeiro» de Cyril Despres, que abandonou a equipa oficial KTM, e agora, sem o «fardo» do francês, promete “dar o máximo” para vencer a próxima edição do Dakar, em janeiro de 2014.

“O acordo que estabeleci com a KTM corresponde a uma nova fase na minha vida, que é deixar de ser ‘aguadeiro’ do Cyril Despres ou de qualquer outro piloto para dar o meu máximo para vencer a prova. Não vou dizer que vou ganhar a prova, mas sei que vou dar o meu melhor”, afirmou Ruben Faria, num encontro com jornalistas, em Lisboa.

No Dakar2013, o português, de 38 anos, gastou mais 10,43 minutos do que Despres, que após ter ganhado a prova pela quinta vez deixou de ser chefe de fila da KTM, algo que chamou a atenção de outras equipas.

“Fui sondado por outras equipas, como é óbvio, mas tenho uma boa relação com o Team Red Bull-KTM e com os mecânicos e preferia ficar. Entretanto fizeram-me uma boa proposta, eu assinei e estou bastante feliz”, salientou o algarvio.

Cyril Després deixa KTM

Depois de ter assinado um contrato válido por dois anos com a KTM, que não vai contar com Despres, Faria vai “partilhar” a moto oficial com o espanhol Marc Coma, três vezes campeão do Dakar, com o norte-americano Kurt Caselli, enquanto o chileno Francisco “Chaleco” López, terceiro em 2013, será piloto da marca, mas tem uma estrutura própria, tal como o polaco Jakub Przygonski.

“Se, se como é a sua vontade, o Cyril correr de mota, será o maior adversário porque é o que tem mais títulos. O Marc também já venceu três e é bastante forte. O facto de estar na mesma equipa do Marc não me impede de ser amigo dele e de lutar contra ele”, referiu o algarvio, remetendo para mais tarde a identificação do seu “mochileiro” para o Dakar2014.

Faria revelou ainda que irá voltar a testar o novo motor da mota ainda este mês em Espanha, antes de participar em julho no Rally dos Sertões, no Brasil, e no rali da Argentina, no âmbito da sua preparação mental para deixar de ser “mochileiro” e passar a ser candidato à vitória, apesar dos escassos patrocínios portugueses.

“Esta é uma modalidade que vive de patrocínios. Eu sou um privilegiado porque tenho patrocinadores estrangeiros, mas dão-me espaço para ter apoios pessoais e eu não consegui vender esses espaços em Portugal”, lamentou o algarvio, realçando o interesse manifestado recentemente por uma empresa de Olhão.

Depois de ter coadjuvado Despres desde 2010, Faria mantém a amizade e o contacto com o francês, muitas vezes devido à ansiedade comum da paternidade, uma vez que ambos vão ser pais em breve, algo que levou o português a pedir “dispensa” das provas agendadas para abril e maio.

Fonte: http://www.autoportal.iol.pt/desporto/todo-o-terreno-desporto/ruben-faria-vai-lutar-pela-vitoria-no-proximo-dakar#.UUnl5hoT9pg.facebook
avatar
LFerro
Membro Prestige
Membro Prestige


http://www.facebook.com/profile.php?id=100000951597399&sk=in

Voltar ao Topo Ir em baixo

Voltar ao Topo


 
Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum