Últimos assuntos
» 08-Nov-2015 - Almoço convívio ADM e celebração aniversário ADM (Lousa -Montachique)
por DSancho Sex 6 Nov 2015 - 18:18

» almoço
por jvenancio Qua 26 Ago 2015 - 9:41

» 26-06-2017 - Almoço das 6ªs, Prazeres da Picanha
por ZéPedro Sex 26 Jun 2015 - 22:10

» 5-6-2015 - Almoço das 6ªs - Francesinha em Santos
por jvenancio Sex 5 Jun 2015 - 11:30

» 17ª Edição do Lés-a-Lés (Inscrição)
por jvenancio Sab 30 Maio 2015 - 10:17

» Honda Africa Twin revelada
por jvenancio Qua 27 Maio 2015 - 16:28

» 07 a 09-06-2014 - 16º Portugal de Lés-a-Lés
por LFerro Sex 6 Fev 2015 - 17:48

» Triumph Tiger 800 - 800XC - 1200 Explorer
por LFerro Seg 19 Jan 2015 - 14:07

» Kymco Downtown 350i
por ZéPedro Qua 14 Jan 2015 - 23:08

» 17º Portugal de Lés-a-Lés 2015 - 7 a 9 Junho 2015
por LFerro Seg 12 Jan 2015 - 20:03

» Revista MOTOCAMPING
por LFerro Sex 2 Jan 2015 - 18:45

» 19-12-2014 - Almoço das 6as - ESPECIAL BOAS FESTAS
por rlopes Seg 22 Dez 2014 - 11:31

» 12-12-2014 - Almoço das sextas, Mercado 31 Janeiro
por jvenancio Seg 15 Dez 2014 - 14:24

» 28-11-2014 - Almoço das sextas, Mercado 31 Janeiro
por jvenancio Sex 28 Nov 2014 - 19:27

» Lisboa Motoshow 2015
por Pianoman Qui 27 Nov 2014 - 12:46

Os membros mais ativos do mês


Pavimento “amigo” muda de cor quando há gelo na estrada

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo

Pavimento “amigo” muda de cor quando há gelo na estrada

Mensagem  LFerro em Qui 28 Fev 2013 - 16:21


Uma equipa da Universidade do Minho (UMinho) desenvolveu um pavimento que fica vermelho quando se forma gelo na sua superfície. Esta tecnologia pode evitar acidentes e vítimas nas estradas de todo o mundo.

Esta "inovação mundial" deve-se à introdução de nanocompósitos à base de óxidos nos pavimentos tradicionais, segundo avança a UMinho.

Joaquim Carneiro, do Centro de Física da Escola de Ciências da UMinho e líder do projecto, explicou que quando a temperatura baixa ao ponto de congelação da água (0ºC) é produzida uma reacção que leva o asfalto a adquirir a cor vermelha.

"Os condutores conseguem, assim, visualizar as zonas encarnadas em que se formam as placas de gelo e tomam as devidas precauções", explicou.

Além disso, as minúsculas partículas à base de óxidos têm a capacidade de limpar o próprio asfalto. Reagem quimicamente com o óleo que sai dos veículos em acidentes ou em derrames no asfalto, degradando o óleo e convertendo-o em dióxido de carbono e água.

A pesquisa foi apresentada numa conferência internacional e "já despertou o interesse" dos governos da Finlândia e Portugal.

Depois das provas laboratoriais na UMinho, será agora testada em ambiente real, numa auto-estrada da região Centro, cujas condições de rigor climático, altitude, humidade e temperatura são consideradas propícias.

O próximo projecto incide na utilização de fibras de carbono que alertem para a formação de fissuras no asfalto, de forma a que sejam detectadas e reparadas mais rapidamente.

Fonte: http://rr.sapo.pt/informacao_detalhe.aspx?fid=31&did=98216#.US445_dOq3c.facebook
avatar
LFerro
Membro Prestige
Membro Prestige


http://www.facebook.com/profile.php?id=100000951597399&sk=in

Voltar ao Topo Ir em baixo

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo


 
Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum